Informação

Informação
São Miguel/RN

terça-feira, 28 de julho de 2015

"Boi sem coração" que matou "menino da porteira" vira estátua de R$ 200 mil

Reprodução


* Bol - A Prefeitura de Ouro Fino (MG) (445 Km de Belo Horizonte) está construindo esculturas do "boi sem coração", que matou o "menino da porteira", do berrante e do boiadeiro, completando no município os elementos da célebre música sertaneja "O Menino da Porteira", de Teddy Vieira e Luís Raimundo, gravada pela primeira vez em 1955, pela dupla Luizinho e Limeira.

Primeira entre as novas obras previstas, a representação do boi custará R$ 200 mil aos cofres públicos da cidade mineira.
A canção, gravada por diversos cantores e duplas sertanejas ao longo dos últimos 60 anos, ficou marcada sobretudo pela interpretação do cantor Sérgio Reis, e fez a cidade ficar conhecida. 
No trevo de entrada de Ouro Fino, no km 51 da rodovia MG-290, está instalada uma escultura do "menino da porteira", com dez metros de altura e 20 metros de largura, do artista plástico Genésio Moura, o Ceará, que também é o responsável pela construção das três novas esculturas. 
A escultura do "boi sem coração" está sendo instalada na praça em frente ao terminal de ônibus urbanos do município, cerca de 300 metros do trevo onde fica a estátua do "menino da porteira".
As outras duas esculturas, do boiadeiro e do berrante, que ainda não tiveram início, serão colocadas em outras praças de Ouro Fino. A cidade também abriga a Casa Menino da Porteira, a fundação cultural do município.
"Ninguém passa lá (pelo trevo da estátua) sem parar para tirar uma foto. Ouro Fino é a última cidade antes da divisa com São Paulo, e a rodovia tem muito movimento. Queremos que essas pessoas entrem na cidade. A estátua do 'boi sem coração' fica a cerca de 300 metros da estátua do 'menino da porteira', diz o coordenador de Cultura e Turismo de Ouro Fino, Dorival Geraldo dos Santos Júnior."
"Vamos instalar também uma estrutura ao lado da estátua do "Menino da Porteira" para receber turistas e colocar veículos para as pessoas fazerem um city tour pelas outras estátuas, que também terão estrutura para receber visitantes".

Reprovada por alguns moradores, iniciativa foi aprovada por vereadores


Dorival Júnior lembra que quando a iniciativa foi proposta pela prefeitura, a construção das esculturas, sobretudo do "boi sem coração", considerada de mau gosto, foi contestada por alguns moradores do município de 35 mil habitantes. Entretanto, a iniciativa do Executivo acabou sendo aprovada pelos onze vereadores de Ouro Fino e, segundo ele, aprovada também pela maioria da população.
"Só teve uns buchichos, nada além disso. Muitas pessoas da cidade que eram contra a construção da estátua do "menino da porteira", hoje são totalmente a favor. Agora, é a mesma coisa", afirma o coordenador.
A reportagem do UOL entrou em contato com dois moradores do município que, à época de discussão do projeto, se posicionaram publicamente contra a iniciativa, porém, eles não quiseram se manifestar desta vez.
A um custo de R$ 200 mil, que pode ser acrescido de 20%, de acordo com o dispositivo aprovado, a primeira estátua, do "boi sem coração", deverá ficar pronta em dois meses, e inaugurada durante o Ouro Fino Rodeio Festival, entre 13 e 16 de setembro, o principal evento da cidade.


Via: Marcio Melo