Informação

Informação
São Miguel/RN

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Atiradores atacam casamento no Afeganistão e deixam 21 mortos e 8 feridos



CABUL (Reuters) - Homens armados abriram fogo durante uma cerimônia de casamento no norte do Afeganistão, matando pelo menos 21 convidados e ferindo oito, informou a polícia local nesta segunda-feira.
A violência aumentou drasticamente neste ano na maior parte do Afeganistão, após forças lideradas pelos Estados Unidos formalmente terminarem sua missão de combate no final de 2013, deixando um pequeno contingente de cerca de 12 mil soldados da Otan para treinar as forças afegãs.
Não ficou imediatamente claro o que motivou o ataque na província de Baghlan, mas atividades insurgentes aumentaram na província durante o ano passado e diversas milícias se proliferaram.
"Era uma festa de casamento, que virou uma tragédia, após homens armados entrarem e atirarem em convidados homens", disse o general Abdul Jabar Pordeli, chefe da polícia de Baghlan, à Reuters por telefone.
"Uma investigação está em andamento e a polícia vai prender todos os criminosos", acrescentou.
Cerca de 2.500 homens armados de grupos ilegais operam no distrito de Deh Salah, onde o ataque aconteceu, disse o chefe da polícia distrital, Color Gulestan.
(Reportagem de Mirwais Harooni)


Fonte: extra.globo