Informação

Informação
São Miguel/RN

domingo, 19 de julho de 2015

Ao levantar voo, carcará causa acidente e mata motociclista no RN

Ave bateu no capacete de um motociclista na BR-110, em Upanema. 
Lúcio Fontenelle Filho, de 32 anos, perdeu o controle e morreu na queda




Um carcará, ave de rapina da família dos falcões, está sendo apontado como o causador da morte de um motociclista de 32 anos no final da tarde deste sábado (18) na BR-110, no município deUpanema, na região Oeste potiguar. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o animal estava se alimentando na beira da pista quando o motoqueiro passou. Ao levantar voo, acabou atingindo o capacete da vítima. Com a pancada, Lúcio Lima Fontenelle Filho perdeu o controle do veículo e morreu na queda.

Segundo o inspetor Roberto Cabral, do núcleo de comunicação da PRF, o acidente aconteceu no quilômetro 80 da rodovia. Testemunhas relataram que viram o momento em que a motocicleta, uma Kawasaki de 1.000 cilindradas com placa de Itaiçaba, Ceará, se aproximou em alta velocidade do carcará e a ave bateu no capacete do condutor. "Relataram que a ave se assustou, e ao tentar sair voando chocou-se contra o rapaz”, confirmou.
Uma equipe do Samu de Mossoró foi acionada, mas ao chegar no local já encontrou o motociclista morto. O corpo de Lúcio foi levado para o Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep).
O carcará
Parente distante dos falcões, o carcará é uma ave de rapina que pode ser vista em praticamente todo o território brasileiro e não corre risco de extinção. Carniceiro, alimenta-se basicamente de insetos e pequenos animais, mas também come frutas. Sua envergadura chega a 123 centímetros, e o comprimento varia entre 50 e 60 centímetros.

Fonte: G1